Quinta-feira, 13 de Dezembro de 2007

Loucos de amor



2005
Mozart And The Whale
EUA
Inglês
90 min

Sinopse: Donald (Josh Hartnett) é um motorista de táxi sem sorte que ama os pássaros e tem uma habilidade fora do comum com os números. Como muitos portadores da Síndrome de Asperger (uma espécie de autismo), ele gosta de padrões e rotinas. Mas, quando a bela e complicada Isabelle (Radha Mitchell) se une ao seu grupo de ajuda, sua vida sai dos padrões.

Em minha opinião: um excelente filme, com uma boa atuação dos atores que interpretam autistas. O filme mais bem feito que já vi sobre autismo.

Tags:
Sábado, 1 de Dezembro de 2007

Birdy - Asas da liberdade



Sinopse: Ex-combatente do Vietnã é internado depois de um surto psicótico. Durante o transe ele recorda sua vida pobre e sonha ser um pássaro.

O filme apresenta a história de Birdy, um rapaz que ganhara este apelido dos vizinhos pela sua personalidade pré-mórbida.

Esta personalidade já apontava para o transtorno mental que desenvolveria no futuro: Esquizofrenia Catatônica.

Em estupor catatônico a maior parte do tempo, o filme é contado em flashback, a partir das memórias do então paciente.

A riqueza do filme não reside apenas em mostrar a psicopatologia do caso, mas também um recurso terapêutico bastante eficiente e recomendado para as esquizofrenias: o ego auxiliar, neste caso feito pelo seu amigo, papel representado por Cage.

Tags:
Sábado, 30 de Junho de 2007

As invasões bárbaras




2003
Les Invasions Barbares
Denys Arcand
Canadá/França
Francês
16 anos
99 min
Trailer: Clique aqui

Mais que um filme experiência de vida. Trata-se de uma tragicômica história sobre um tema sempre difícil de ser abordado: a morte.

Além disto podemos sorver da história o modo de funcionamento do sistema de saúde brasileiro, digo, canadense, e seus sindicatos.
Tags:
Sexta-feira, 29 de Junho de 2007

As Horas



2002
The hours
Stephen Daldry
EUA
Inglês
14 anos
114 minutos
Trailer: Clique aqui

É um raro filme americano de arte. Baseado na obra Virginia Woolf “Mrs. Dalloway” o filme consegue dar-nos uma dimensão do que era o Real, em nível psicopatológico, desta escritora.

Perfeitos em seus papéis, um filme traz uma constelação do cinema atual: Claire Danes (Julia), Ed Harris (Richard Brown), Julianne Moore (Laura Brown), Meryl Streep (Clarissa Vaughn),Nicole Kidman (Virginia Woolf), Toni Collette (Kitty), John C. Reilly (Dan Brown).
Tags:
Segunda-feira, 25 de Junho de 2007

Bicho de sete cabeças



2000
Brasil
Português
80 min


Sinopse: Seu Wilson (Othon Bastos) e seu filho Neto (Rodrigo Santoro) possuem um relacionamento difícil, com um vazio entre eles aumentando cada vez mais. Seu Wilson despreza o mundo de Neto e este não suporta a presença do pai. A situação entre os dois atinge seu limite e Neto é enviado para um manicômio, onde terá que suportar as agruras de um sistema que lentamente devora suas presas.

Em minha opinião um filme com excelentes interpretações, principalmente de Gero Camilo , mas que comete um erro grave: desloca o contexto do filme, não se diz em nenhuma das falas que a história retrata a realidade da saúde mental no Brasil dos anos 70, em plena ditadura militar. Quando hoje nós sabemos que  as tentativas de extinsão dos péssimos  hospitais psiquiátricos (manicômios, asilos) têm resultado mais em desasistência do que na oferta de serviços de saúde de qualidade.
Tags:
Quinta-feira, 21 de Junho de 2007

A vida é bela


1997
La Vita è Bella
Itália
Italiano
116 min

Sinopse: Na Itália dos anos 40, Guido (Roberto Benigni) é levado para um campo de concentração nazista e tem que usar sua imaginação para fazer seu pequeno filho acreditar que estão participando de uma grande brincadeira, com o intuito de protegê-lo do terror e da violência que os cercam.
Ganhou 3 Oscars: Melhor Ator (Roberto Benigni), Melhor Filme Estrangeiro e Melhor Trilha Sonora em Drama. Além disto, foi indicado em outras 4 categorias: Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Montagem e Melhor Roteiro Original.
Ganhou o Grande Prêmio do Júri, no Festival de Cannes. Ganhou o prêmio de Melhor Filme Estrangeiro, no César. Ganhou o Prêmio Goya de Melhor Filme Europeu. Recebeu uma indicação ao Grammy, na categoria de Melhor Composição Instrumental escrita para o Cinema.

Em minha opinião um bom filme, comovente com o mérito de ser tragicômico. Para o Oscar de melhor ator foi um exagero. Ganhou o de melhor filme estrangeiro para Central do Brasil.
Tags:
Segunda-feira, 18 de Junho de 2007

Carandiru




2003
Carandiru
Brasil
Português
148 min

Em minha opinião um filme importante se você quiser vislumbrar o que é um presídio brasileiro. Horas angustiante, horas cômico. Não gostei da atuação do protagonista do filme...

Sinopse:
Um médico (Luiz Carlos Vasconcelos) se oferece para realizar um trabalho de prevenção a AIDS no maior presídio da América Latina, o Carandiru. Lá ele convive com a realidade atrás das grades, que inclui violência, superlotação das celas e instalações precárias. Porém, apesar de todos os problemas, o médico logo percebe que os prisioneiros não são figuras demoníacas, existindo dentro da prisão solidariedade, organização e uma grande vontade de viver. Destaques para os atores: Mílton Gonçalves (Chico), Aílton Graça (Majestade), Maria Luísa Mendonça (Dalva), Rodrigo Santoro (Lady Di), Gero Camilo (Sem Chance), Ricardo Blat (Claudiomiro), Wagner Moura (Zico), Caio Blat (Deusdete), Sabrina Greve (Catarina), Lázaro Ramos (Ezequiel).
Tags:
Quinta-feira, 14 de Junho de 2007

A excêntrica família de Antônia


1995

Antonia

Holanda, Bélgica, Inglaterra

Holandês

102 min


Em minha opinião um filme bastante interessante, não somente pelo conteúdo, mas por ser holandês e falado em holandês. Trata-se de um filme que consegue uma mescla de cenas extremamente fortes (suicídio, estupro), com pitadas de comicidade.


Sinopses: O filme retrata com delicadeza o feminismo e a condição das mulheres num enredo que parte da vida de Antonia, uma mulher que volta à sua cidade natal logo após a Segunda Guerra para participar do enterro da mãe (cineinsite).


Definido como uma celebração da vida e da morte, esta co-produção entre Holanda, Bélgica e Inglaterra ganhadora do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro vai além ao contar a história de uma encantadora geração de mulheres. Comandada por Antonia, a saga familiar atravessa três gerações, falando de força, de beleza e de escolhas que desafiam o tempo. Nesse universo conhecemos curiosos personagens, como o filósofo pessimista, a netinha superdotada, a filha lésbica, a avó louca, o padre herege, a amiga que adora procriar, a vizinha que sofre abusos sexuais e os muitos amigos que são acolhidos por sua generosidade (e-pipoca).


Antônia acorda e sabe que este é seu último dia de vida. No entanto, ela não está abalada. Faria tudo como sempre, chamaria os amigos e parentes, fecharia os olhos e morreria com o sentimento de dever cumprido.

Após essa breve apresentação, que é retomada mais tarde, voltamos ao passado para acompanhar a vida da matriarca Antônia, narrada por sua bisneta.

Antonia é uma personagem que vai se mostrando aos poucos. Quando ela regressa à sua cidade natal acompanhada pela filha Daniele, vinte anos depois de partir, elas não são muito bem recebidas no lugar, provavelmente devido ao passado de Antônia, que agora é viúva. Aos poucos, elas vão ajeitando suas vidas e conquistando as pessoas do lugar, que é cheio de problemas típicos de uma sociedade conservadora e cega. A rejeição torna-se ainda maior quando Daniele resolve ter um filho. Ela não quer casar e sai em busca de um pai apenas para gerar a criança. Quando sua barriga começa a aparecer, ela passa a atrair os olhos curiosos dos moradores e do padre que faz ironias durante a missa.

O tempo passa e a casa de Antônia vai se enchendo de gente: elas acolhem um deficiente mental que é maltratado pelas crianças da vila, a filha do vizinho - também deficiente -, abusada pelo irmão, e um viúvo cheio de filhos que quer se casar com ela. A casa de Antonia recebe todos os que precisam de sua ajuda, criando vínculos afetivos fortes entre pessoas muito diferentes, que se cuidam e se ajudam.

Muitas gerações se sucedem, a casa de Antônia se enche de crianças, e a solidariedade deles se sobressai naquela cidade hipócrita e conservadora, cheia de gente reprimida, que julga sem enxergar seus próprios defeitos.

Nesta família, o amor não tem barreiras. Ele é livre, surge para todos e aparece sob várias formas: Daniele se apaixona pela professora da filha, Antônia aceita visitas do vizinho apaixonado à noite, o capelão larga a batina para ficar com uma mãe solteira e os dois deficientes logo simpatizam um com o outro e casam.

A justiça também é um tema constante no filme. Antônia não espera por ela, mas executa-a com as próprias mãos, seja para defender seu círculo afetivo ou qualquer um que precise dela e não tenha a quem recorrer - mesmo que seus atos nem sempre sejam muito éticos. Mas quem deixaria de ser cúmplice de sua coragem quando poucos conseguem reagir?

É impossível não se sensibilizar com essas gerações de mulheres que estão muito à frente de seu tempo, que constroem um lar cheio de vida e lutam para sobreviver em meio aos destroços de uma existência sem muitos objetivos. Quando a morte chega, todos que partem vão com o coração tranqüilo, deixando apenas saudades e boas recordações.

O filme ainda conta com personagens peculiares, como a mulher que uiva para a lua cheia em busca de seu amor ou a filha superdotada de Daniele, que discute Schopenhauer aos 5 anos de idade. Os homens são mostrados como seres secundários, sem vontade própria, que são apenas conduzidos pela imposição das mulheres da casa e seus estilos de vida que vão se sobrepondo a cada geração.

A Excêntrica Família de Antônia, filme de Marleen Gorris, recebeu o Oscar de melhor filme estrangeiro de 1995, concorrendo com o brasileiro O Quatrilho (Cinestese).

Tags:
Quinta-feira, 7 de Junho de 2007

Uma relação pornográfica


1999
Une Liaison Pornographique
França
Francês
80 min

Sinopse: Um casal (Sergi López e Nathalie Baye) se conhece através de um anúncio e passa a se encontrar toda a semana, até que descobrem que começam a se apaixonar um pelo outro.

Em minha opinião um excelente filme. Mostra-nos que de fato o que nos constrange é a intimidade.
Ganhou os prêmios de Melhor Ator (Sergi López) e Melhor Atriz (Nathalie Baye), no Festival de Veneza.

Tags:
Terça-feira, 5 de Junho de 2007

Náufrago


2000
Cast Away
Robert Zemeckis
EUA
Inglês
Livre
143 min
Trailer: Clique aqui

Um excelente Tom Hanks.
Tags:

Tags

ação(16)

animação(6)

aventura(6)

comédia(19)

comédia romântica(10)

documentário(2)

drama(35)

ficção científica(2)

ficcção científica(1)

romance(4)

suspense(10)

terror(2)

todas as tags

Pesquisar em Cinema

 

Dezembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Arquivos

Links

Posts recentes

Loucos de amor

Birdy - Asas da liberdade

As invasões bárbaras

As Horas

Bicho de sete cabeças

A vida é bela

Carandiru

A excêntrica família de A...

Uma relação pornográfica

Náufrago

O Pianista

O Filho da noiva

Mr Jones

Erin Brockovich - uma mul...

Má educação

As torres gêmeas

Zuzu Angel

Sonhos com Xangai

21 gramas

Fale com ela

Tudo sobre minha mãe

Babel

Central do Brasil

O Bom pastor

Freud - Além da Alma

Ata-me!

A paixão de Cristo

Filhos da Esperança

Volver

Rocky Balboa

Império do sol

O Ilusionista

A Rainha

O Corte

As loucuras de Dick e Jan...